Notícia publicada terça-feira, 05 de abril de 2011

Abaixo segue a tarceira parte do diário de turnê da banda NERVOCHAOS pelas terras europeias.

A turnê vem sendo feita junto com os Black Metallers da banda RAGNAROK e o diário está sendo escrito por Cyntia Marangon, que viaja com a banda auxiliando no gerenciamento da turnê.

11º Dia (14/03):

Próxima parada, Gorizia, ainda na Itália. Chegando ao local, ficamos surpresos com a estrutura, sua localização e sem falar que grandes nomes da cena underground já estiveram presentes neste lugar como: Agnostic Front, Sick of it All e outras como Ratos de Porão que ainda vão se apresentar neste mesmo local.
Por ser uma segunda feira, ficamos preocupados de não termos público para os shows. Mas mesmo assim, uma galera considerável compareceu para prestigiar as bandas do Brasil e da Noruega.
NERVOCHAOS entrou em cena por volta das 22:00, com seu repertório convencional, e mostrando aos italianos o que o Brasil tem de melhor.
Logo mais, os noruegueses subiram no palco para mais uma apresentação, e as pessoas que estavam presentes aplaudiram muito.
As bandasficaram muito lisonjeados por tocarem em um local onde grandes bandas já estiveram e ainda vão estar presentes. E mais uma bandeira foi fincada! E o trabalho dos brasileiros vem sendo reconhecido a cada dia mais.

12º Dia (15/03):

Enfim, chegamos a Ljubljana na Eslovênia, para mais uma noite! A casa de show, Channel Zero Club, fica muito bem localizada, bem no centro da cidade, perto de várias estacões de trem e afins. Fomos muito bem recebidos pela produtora. Sim! Uma mulher fazendo a cena crescer…
Na hora do inicio dos shows, a casa já estava lotada praticamente. Primeiro tivemos uma apresentação de uma banda de Black Metal local. Logo em seguida, os brasileiros já começaram a sua preparação para mais uma apresentação, claro que agora para um público mais restrito, mas o show não deixou de ser excelente.
Para finalizar mais uma noite os noruegueses subiram ao palco para mais uma apresentação, e mostraram realmente que o verdadeiro e puro Black Metal ainda reina sobre grande parte!
Mais uma noite se foi, e mais uma bandeira brasileira foi coloca, esta na Eslovênia. Agora estamos rumo à Croácia para mais um show, vamos ver o que nos aguarda!

13º Dia (16/03):

Bom, para começar o nosso dia, ainda na Eslovênia, tivemos que fazer uma super correria, atrás de documentos para passar com os equipamentos na fronteira com a Croácia. Isto nos atrasou um pouco, saímos de Ljubljana por volta da uma da tarde, e até a cidade de Osijek na Croácia são 6 horas de viagem… Enfim, viajamos muito e assim que chegamos à fronteira, a parada foi longa, ficamos super preocupados para conseguirmos chegar na hora show. Assim que liberados, seguimos viagem.
Chegamos a Osijek (Croácia) por volta das 21:00, horário local, lembrando que do Brasil aqui são 4 horas para frente. Descarregamos os equipamentos, tudo super-rápido pois já estávamos em cima da hora.
Uma banda local se apresentou antes das duas principais bandas. Logo mais, NERVOCHAOS entrou em cena para mais um show. Os brasileiros mostraram bastante entusiasmo, apesar do frio que fazia, o público croata agitou bastante e isso ainda deu mais energia, para que o show fosse bem sucedido e mais uma bandeira brasileira fosse fincada.
Para finalizar a noite os noruegueses do Ragnarok, fizeram mais uma apresentação com seu set list convencional, tocando as antigas músicas e, claro, as do ultimo CD. O publico curtiu bastante!
Foi um dia muito cansativo e de bastante adrenalina, mas no final tudo deu certo, e somente quando tudo se concretizou,  todos os presentes vieram cumprimentar os brasileiros pelo seu trabalho bem apresentado, isso sim e impagável!

14º Dia (17/03):

Depois de passarmos por várias fronteiras, chegamos à Romênia, na cidade de Timisoara. E mais uma vez aqui, assim como na Croácia, a moeda é local. Tínhamos outra ideia de como seria a Romênia, mas pelo visto é mais um país novo ainda se reconstruindo.
O lugar se chama Daos Club, localizado praticamente perto do centro da cidade. Para começar a noite uma banda local iniciou as apresentações. Logo mais, por volta das 23:00 o NERVOCHAOS subiu ao palco para mais um show; este sim foi incomparável, inigualável, e muitos adjetivos positivos, pois a casa estava lotada e a galera veio em êxtase, gritaram, pediram bis, cantaram junto, e assim terminado o show a banda foi aclamada, todo o publico presente foi comprimentar os brasileiros, pelo trabalho executado e diversos elogios vieram junto.
Para finalizar a noite mais uma vez os noruegueses do Ragnarok se apresentaram, com seu set list convencional divulgando o ultimo álbum de trabalho.
Esta foi uma das melhores apresentações dos brasileiros, tanto de público quanto musicalmente. Enfim, os integrantes da NERVOCHAOS disseram ao final da noite que estão muito felizes, que seu trabalho vem sendo recompensado e o que os move são a energia do público e o reconhecimento.

15º Dia (18/03):

Agora chegamos ao meio desta turnê, nosso próximo destino foi à cidade de Bucareste, também localizada na Romênia. Enfrentamos longas horas de viagem, chegamos praticamente em cima da hora, mas acabou tudo dando certo.
O local deste show fica localizado bem no centro da cidade, chama-se Wings Club. Assim que chegamos, descarregamos como sempre os equipamentos e fomos montar o palco. O bar estava lotado e isto dificultou um pouco. Enfim, logo os brasileiros do NERVOCHAOS entraram em cena para mais uma apresentação. A galera veio ao delírio, se empolgaram muito, e a banda foi novamente aclamada com gritos “NERVOCHAOS! NERVOCHAOS!”,  ainda pediram bis, e a banda atendeu!
Para fechar a noite os noruegueses mais uma vez fizeram uma apresentação única, mostrando o que sabem fazer!
Agora estamos rumo à Eslováquia, com mais umas 12 horas de viagem, mas sempre prontos para o “Rock”!!!!

16º Dia (19/03):

Bom, hoje infelizmente não trago boas notícias, mas vamos começar o desenrolar deste dia tão longo e tão triste.
Acabamos o show em Bucareste e logo seguimos viagem para Nitra, localizada na Eslováquia. Saímos às 2:30 da manhã, achando que estava tudo bem e íamos chegar a tempo para mais um show, pois segundo o motorista a viagem duraria 12 horas. Enfim, o motorista é alemão, diga-se de passagem, pois até agora não comentei nada sobre tal ser, pois achei que isto não fazia parte, mas depois do que ocorreu…
…Ele, o motorista, todos os dias estava de mau humor, esbraveja por tudo, fica se exibindo mostrando credenciais das turnês de bandas como Exodus, que levou e durou 6 dias, falando que ele é o melhor, querendo se sobressair e etc, reclamando dos lugares dos shows, enfim de tudo!!! Praticamente de propósito a viagem que era pra durar 12 horas virou um terror e durou 19 horas, afinal o dito cujo parava o tempo todo, e vinha com desculpas esfarrapadas; como sempre aqui na Europa ainda rola um preconceito contra os brasileiros e para mim ele fez isso somente para nos queimar e para nos irritar.
Resumindo: chegamos ao local do evento as 22:00, e o produtor pra ajudar ainda, ferrou com a vida de todos, dizendo que os brasileiros do NERVOCHAOS não iriam se apresentar, pois o evento tinha que acabar às 23:00, então somente os noruegueses iriam se apresentar. Só que não havia nada das exigências dos noruegueses, e estes não queriam subir no palco pois não achava justo, a turnê são as duas bandas juntas e não somente uma. Não havia nem comida, sem falar no lugar péssimo e muito mal localizado. E assim às 23:00 com apenas 15 minutos de show os noruegueses foram obrigados a encerrarem a sua apresentação.
Agora, digo eu, como pode um evento, num sábado,  terminar as 23:00? Nós brasileiros ficamos indignados com tudo o que ocorreu, passamos o dia inteiro no ônibus, e por causa de um motorista sem o mínimo de ética profissional fez com que todos fossem prejudicados, e sem mais, o produtor do local tratou tanto os brasileiros quanto os noruegueses super mal.
Finalizando, digamos que este não foi um dia perdido, e sim descobrimos realmente quem é quem, e para os brasileiros do NERVOCHAOS, isto não é nada, pois já foram concretizados 15 shows desta extensa turnê e todos com grande êxito, vendas de merchan, elogios, novos fãs, e os que já eram fãs ficaram mais ainda e etc; Sem mais comentários…
Agora estamos rumo à Oradea, de volta à Romênia, vamos ver o que nos aguarda desta vez.

17º Dia (20/03):

Finalmente novidades boas, chegamos novamente na Romênia na cidade de Oradea, antiga Transilvânia, terra do famoso Drácula.
Realmente agora não tivemos maiores problemas, pois se trocou o motorista, outro alemão, mas um senhor mais gente fina!
O evento, apesar de ser num domingo, estava lotado, sem falar que era um festival, e havia 3 bandas antes das duas principais NERVOCHAOS e Ragnarok.
Descarregamos os equipamentos, montamos como de costume e ficamos no aguardo. Logo mais, por volta das 22:00 horário local, NERVOCHAOS entrou no palco, mostrando o que o Brasil tem de melhor, sem falar que os meninos estavam à flor da pele para este show! E mandaram ver seu set list completo, e mais dois covers a pedido da galera, Vulcano e Sepultura! A galera foi ao delírio!!!
E para finalizar a noite os noruegueses entraram no palco para mais um show!
Só tenho a dizer que foi única esta noite, todos se divertiram e principalmente os brasileiros, mais uma vez foram elogiados por todos, e isto é a maior recompensa!

18º Dia (21/03):

Enfrentamos apenas uma madrugada de viagem e chegamos à Polônia, na cidade de Wroclaw. Uma cidade grande, muito bonita, o contexto bem diferente do que já vimos até agora.
Bom, seguimos rumo ao local do show, e para nossa surpresa, assim como foi na Eslovênia, o lugar do show é um “squad”. Para quem não sabe, squad é um lugar abandonado e as pessoas invadem para promoverem eventos culturais como shows e afins;  Por fim, descarregamos os equipamentos, foi uma mega missão, pois o ônibus não passava por de baixo de uma ponte, assim ele ficou estacionado meio longe do lugar e mais uma vez fizemos várias viagens com os equipamentos, mas no final deu tudo certo.
Por ser uma segunda feira, ficamos surpresos, pois a casa estava lotada. Tocou uma banda da Alemanha, e então os brasileiros entraram apavorando o publico, a galera pediu bis e tudo mais. E para encerrar a noite os noruegueses do Ragnarok mais uma vez fizeram a sua performance Black Metal.
Os brasileiros estão muito felizes, pois até agora tudo está certo e indo nos conformes. Agora faltam 13 shows para que esta extensa turnê seja encerrada e estamos a caminho de Poznan, ainda na Polônia para mais uma apresentação!

19º Dia (22/03):

Com apenas 300 km, já havíamos chegados a nosso destino, Poznan na Polônia. Uma cidade muito bonita, bem localizada. O bar, chamado Minoga Club, fica bem localizado no centro da cidade.
Como chegamos cedo, fomos descarregar os equipamentos e deixar tudo pronto para a hora do show. Assim sobrou um tempinho e fomos dar uma volta pela cidade, ver algumas lojas de CDs e afins. Lá pelas 18 da tarde as bandas passaram o som, e logo mais a noite às 21:00 os brasileiros do NERVOCHAOS, começaram mais uma apresentação. Desta vez para um público mais tímido, mas este não deixou de ser mais um show em que a galera veio elogiar, sem falar que havia um super fã da banda! E mais uma vez os noruegueses encerraram a noite, diminuindo um pouco o seu set, pois estavam cansados.
Foi um ótimo dia, os brasileiros estão cada vez mais empolgados, e ganhando fãs pela Europa. Agora deixamos a Polônia rumo à Rep. Checa para mais um show!

fb_img_1524835043135

Picture 1 of 18

Você pode também seguir as outras partes do tour report pelos links abaixo:
1ª parte do diário de turnê: http://metalmedia.com.br/newspress_br/?p=3599
2ª parte do diário de turnê: http://metalmedia.com.br/newspress_br/?p=3747

Contato para shows e merchandise: nervo666@hotmail.com

Sites Relacionados:
www.myspace.com/nervochaos
www.metalmedia.com.br/nervochaos
www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=3852307